O Blogroll morreu ! Viva o Blogroll!

Quando visito outros blogs, há sempre uma lista interminável de links no lado direito. Chamam-lhe o blogroll, as hiperligações, os blogs favoritos…

Comecei a não gostar do blogroll, só lhe passava os olhos para ver se reconhecia alguma coisa de interessante. Era uma coexistência pacifica.

Mas até eu sinto a necessidade de dar um link a quem merece, de recolher alguns sites interessantes para poupar tempo a quem vem à procura de informação. Se o blog vale mesmo a pena, faz-se um post só para ele e está o caso arrumado. Se o blog é fraquinho ou se já toda a gente o conhece, dar-lhe um post parece muito. Principalmente se já toda a gente o conhece, como o Ponto Media. “Olha este descobriu a pólvora…”

E pronto, lá ia o site para o blogroll. Até que a maldita lista já se começava a alongar. “Vou por mais um link no blogroll? Mais um para juntar ao arranha céus ?” Eu não estava preparado, mas quando dei conta, odiava o blogroll. Essa lista sem sentido que a certa altura só faz ruido e atrapalha.

Comecei a planear o homicídio de forma tão natural que o plano já estava traçado sem eu ter noção do processo.

Os vestígios ficaram na nova página de links, para entreter os visitantes. Estão devidamente decorados e catalogados, com uma pequena descrição para os curiosos.

E foi assim… o blogroll do Relações Públicas morreu!

3 thoughts on “O Blogroll morreu ! Viva o Blogroll!”

Leave a Reply