A Intersecção das Relações Públicas e do SEO

Este post surge em seguimento de um outro post, onde se explica a diferença entre resultados de pesquisa orgânicos e patrocinados.

O termo SEO significa Search Engine Optimization, uma táctica de gestão de um website que se foca em dois planos. Na plataforma onde se publicam os conteúdos e nos conteúdos que se criam.

É um tema que já foi abordado noutros posts, incluindo um guest post por parte do António Dias, autor do blog Marketing de Busca.

Em relações públicas, uma estratégia de SEO não se foca tanto na plataforma. Por plataforma estamos a referir-nos ao wordpress, ao joomla, ou a outro software de gestão de conteúdo. E ai, a optimização para motores de busca é ao nível do código que compõe o site.

Em relações públicas, a estratégia de SEO começa ao identificar os objectivos de negócios e os processos de decisão que estão em jogo. Só depois se determinam quais serão os termos chave e como serão construídos os conteúdos a publicar. Também se escolhem as formas de interacção entre os visitantes e o website, bem como a melhor forma de organizar os conteúdos.

Na aplicação da estratégia é preciso ter ideias concretas ao preparar os textos: em que perspectiva devem ser escritos, com que palavras chave, de que modo se devem construir os titulos e os links. Isto é algo que se torna cada vez mais importante, especialmente quando o google já indexa flash e começa a indexar audio.

Além do que se pode fazer no próprio website, também se pode aplicar a mesma estratégia de relações públicas na escolha de links externos e outros mecanismos de divulgação (sim, incluindo adwords).

Chegará uma altura em que será necessário intervir numa série de áreas diferentes. Nos comentários dos blogs, nas salas de friendfeed e outros forums. E é aqui que o marketing falha.

Se a estratégia inicial tiver como único objectivo as vendas e se basear em tácticas de marketing, quando chegar a altura de interagir fora do website da organização, então não temos bases de diálogo e o risco de perder bons pontos de reputação aumenta.

E numa altura em que se fala tanto de crise financeira, toda a gente se apercebe de que a reputação é um dos factores mais importantes ao tomar decisões de negócios.

5 thoughts on “A Intersecção das Relações Públicas e do SEO”

  1. Bom post.
    Um dos problemas que me deparo algumas vezes é a questão de fazer a optimização a determinado tipo de sites que não tiveram uma estratégia nem planificação inicial e que depois é complicado mexer na estrutura para fazer as optimizações.

    Por outro lado muita gente se preocupa em ter posição nos motores de busca mas não pensam sequer em criar ou gerir uma reputação que obviamente ajuda bastante.

Leave a Reply